qui. ago 18th, 2022
A importância do Halloween na cultura americana

Conheça a importância do Halloween na cultura americana

O Halloween é, sem sombras de dúvidas, uma das principais tradições americanas. A festa é tão forte que acabou se alastrando para diversos outros países do mundo, sempre celebrado no dia 31 de outubro. Conhecido no Brasil como “Dia das Bruxas”, a data é uma festa de origem pagã, mas acabou perdendo o foco religioso e hoje envolve uma enorme gama de fantasias e brincadeiras. Para saber mais detalhes sobre o peso do Halloween na cultura americana, não deixe de ler a postagem de hoje.

Como o Halloween surgiu?

Embora seja muito comum, o Halloween não é nada novo. Segundo senso comum, a data é celebrada há mais ou menos 6.000 anos. Impressionante, não é? Eles acreditam que a festa começou a ser comemorada na Irlanda, 4.000 anos Antes de Cristo.

A origem tem uma forte relação com as festas celtas que celebravam o fim da temporada de colheita. E, na Irlanda, isso acontecia mais ou menos no mês de outubro. Além disso, os celtas acreditavam que o dia 31 de outubro finalizava um período de fronteira entre o mundo dos vivos e dos mortos.

Nesse tempo, difundiu-se a ideia de que a melhor maneira de assustar os mortos era com fantasias e máscaras, dando início a essa festa que você vê e conhece hoje.

Como a festa é comemorada?

Como não existe nenhum “norteador” para a festa, ela é celebrada de forma descentralizada e apenas seguindo as tradições de cada país. Normalmente, ela é celebrada nas escolas, famílias ou ainda por meio de grupos de amigos que acabam organizando uma festa para reunir todo mundo.

Hoje, nos Estados Unidos, a data é muito relacionada com diversas brincadeiras, diversão e tempo entre amigos. É fácil encontrar diversas pessoas fantasiadas (eles levam a brincadeira muito a sério), pintadas e ainda preparando muitas brincadeiras para a data.

Para você ter noção como o traje é sério, ele movimenta o mercado americano de forma forte, aumentando muito o faturamento das lojas de festas em bilhões de dólares.

Quais são as brincadeiras mais comuns?

Falei que as brincadeiras são um dos momentos mais importantes do Halloween, não é mesmo? Bem, você deve estar se perguntando quais são as principais delas. Conheça duas delas:

Trick or treat (doce ou travessura)

Essa brincadeira chegou com tudo no Brasil também! Algumas crianças fantasiadas com os trajes mais comuns dessa data (como fantasmas, múmias e outros personagens típicos) passam de casa em casa. Ao abrir a porta, eles logo disparam: “trick or treat”, que significa “doces ou travessuras”, dando a opção aos donos de darem balas ou pagarem alguma prenda.

Uso de fantasias

Como falei, o uso de trajes típicos movimenta muitas pessoas. Os mais comuns são os modelos mais assustadores, mas é possível se fantasiar do que quiser. O importante mesmo é usar a criatividade e surpreender!

Curiosidades sobre o assunto

Movimentação de dinheiro

A festa é tão tradicional no território americano, que movimenta mais ou menos 7 bilhões de dólares por ano. É isso mesmo: 7 BILHÕES DE DÓLARES. Deu para sentir com os americanos gostam da data, não é?

A maior parte desse dinheiro é gasta em doces, fantasias e festas também. Eles comem, em média, 2 quilos de doces de Halloween na data.

Bruxa noturna

Reza a lenda que também é possível encontrar uma bruxa à meia-noite. Para proporcionar esse encontro, você deve usar as roupas ao contrário e andar de trás para frente. Só fica uma questão: vai arriscar?

Lanternas e abóboras

As abóboras são outros personagens importantes nesse tempo, participando de toda festa. Entretanto, engana-se quem pensa que elas são um mero objeto de decoração. Segundo a tradição, elas servem para espantar os maus espíritos e, de quebra, proteger as pessoas vivas. Ou seja, um papel importantíssimo.

A encarnação na aranha

As aranhas são outro artefato de decoração do Halloween. Ainda assim, pode ser que, vez ou outra, você acabe se encontrando com uma delas. O que poucas pessoas sabem é que, segundo a tradição, isso pode significar o espírito de um falecido querido que veio para cuidar de você.

Depois de saber de tudo isso, dá para entender porque o Halloween ganhou muita força no Brasil nos últimos anos. Ainda assim, não é nada comparado ao que ele representa para os americanos. Se você puder passar uma dessas datas nos EUA, tenho certeza que vai se impressionar com a força e a adesão.

Caso você queira considerar alguma informação especial ou esclarecer alguma dúvida, não deixe de comentar no espaço abaixo. Terei o maior prazer em ajudar você! Nos encontramos na próxima!

Compartilhe este artigo com seus amigos: