qui. ago 18th, 2022
Inglês fluente em entrevistas de emprego

É possível falar inglês fluente em entrevistas de emprego?

Você provavelmente já percebeu que a proficiência em inglês é pré-requisito para muitas vagas de emprego. Ainda assim, poucas empresas realmente testam se os candidatos sabem realmente falar inglês fluente. Quando isso acontece e o recrutador acaba pedindo para ele falar inglês, já é o suficiente para que muitas pessoas fiquem de cabelo em pé.

A boa notícia é que você pode se preparar para esse tipo de situação. É isso mesmo, ser entrevistado por um nativo não precisa amedrontar você, desde que esteja seguro e pronto para o desafio. Se você quer saber como, veja as dicas da postagem de hoje.

Estude sempre o vocabulário da sua área

Cada área de atuação conta com um vocabulário muito específico e é sempre bom saber o da sua. Pense como um bom repertório pode impressionar e garantir segurança ao recrutador. Esse é um excelente indício de que você está antenado e por dentro das novidades da sua área. Além de provar que sabe falar inglês fluente, você irá demonstrar entrosamento com as tendências.

Leia notícias em inglês sempre que puder

Para estar atualizado, nada melhor que ler diversos sites sobre as novidades do seu setor. E isso envolve os sites em inglês, claro. Essa é uma forma de saber o que existe de mais novo no mercado e, de quebra, memorizar o vocabulário comum.

Para treinar ainda mais, você pode aproveitar para ouvir podcasts, assistir documentários ou ainda explorar qualquer outra metodologia que consiga promover as duas coisas: seus conhecimentos e o desenvolvimento do seu inglês.

Seja direto e fuja do papo furado ou dos clichês

Em uma entrevista de emprego, é sempre bom ser direto e mostrar quais são suas habilidades e como elas podem agregar para determinada empresa. Por mais difícil que isso seja, é bom demonstrar qual a razão que levou você ali e seus reais interesses.

É claro que vocês provavelmente vão começar o papo com um tradicional “quebra-gelo”, que são as perguntas mais comuns, do tipo “como você está?”. Ainda assim, pense que o raciocínio é outro quando a entrevista de emprego é feita com estrangeiros. Eles são mais diretos que nós e tendem a falar e tratar apenas do lado profissional, focando na carreira, projetos que você desenvolveu e se você fica à vontade com o inglês.

E tem mais: ficar naquele papo de encher linguiça pode até pegar mal! Eles entendem que você não tem muito a apresentar e fica enrolando. Para completar, os clichês também devem ser dispensados nesse tempo, pois podem transmitir uma ideia pouco madura do idioma. Fale de forma mais natural e livre, pois só assim o entrevistador consegue entender que você está oferecendo algo novo.

Treine a pronúncia

Quando tratamos de uma conversação, a pronúncia é um dos pontos mais importantes, certo? E, quem quer impressionar, já sabe que é preciso treinar bastante. Portanto, escute bastante coisa em inglês, fale com amigos ou nativos de outros países (já existem muitas plataformas que promovem isso) e treine bastante para arrasar nesse aspecto!

A pronúncia é um fator importante na hora de falar inglês fluente.

Saiba falar sobre a empresa em inglês

Essas perguntas são cada vez mais de praxe: o que você sabe sobre a empresa que quer trabalhar? Portanto, para não ser pego de surpresa, comece treinando os pontos mais relevantes, como área de atuação, crescimento nos últimos anos, e o que mais você considerar interessante. Tudo em inglês, claro!

Agora que você já sabe disso não pode usar a desculpa que foi pego de surpresa, hein? Prepare-se a arrase, encantando o recrutador!

Saiba as perguntas mais clássicas

Sempre existem algumas perguntas que “caem em todo vestibular”, ou seja, que estão em toda entrevista de emprego. E nas entrevistas de emprego em inglês não seria diferente. Para controlar a ansiedade, nada melhor que estar preparado para respondê-las. Conheça algumas:

Eles normalmente começam com um quebra gelo

Como falei, os recrutadores normalmente começam estabelecendo um contato mais superficial, “breaking the ice”, ou seja, quebrando o gelo. Veja alguns exemplos:

How are you today? (Como você está hoje?)

Did you have any trouble finding us? (Você teve alguma dificuldade para nos encontrar?)

Perguntas sobre você

How do you describe yourself? (Como você se autodescreve?)

What are your greatest difficulties? (Quais são suas maiores dificuldades?)

Sobre a vaga de emprego

What type of position are you looking for? (Que tipo de posição você está procurando?)

How could you help us? (Como você poderia nos ajudar?)

Are you interested in a full-time position? (você está interessado em um cargo de tempo integral?)

Sobre outras experiências

Could you tell me about your responsibilities at your last job? (Você poderia me dizer sobre suas responsabilidades no último emprego?)

Have you been involved in an extra curricular activity? (Você já se envolveu com alguma atividade extracurricular?)

Bem, tendo esse panorama e se preparando adequadamente, é possível mandar muito bem e falar inglês fluente em entrevistas de emprego. O importante mesmo é estar seguro e devidamente preparado. Se você ficou com alguma dúvida ou ainda gostaria de compartilhar outra pergunta comum, não deixe de fazer isso nos comentários abaixo.

Compartilhe este artigo com seus amigos: