qui. ago 18th, 2022
Erros ao aprender inglês

7 erros comuns na hora de aprender inglês

Como já tratamos aqui no blog outras vezes, aprender inglês pode ser muito prazeroso e abrir oportunidades profissionais incríveis. Além disso, a experiência pode ser mais fácil que a maioria das pessoas imagina – desde que você esteja utilizando o método certo.

Ainda assim, existem algumas posturas ou erros que podem dificultar um pouco o processo. Veja hoje quais são eles e fuja dessa cilada de uma vez por todas!

1. Não saber qual é o seu perfil

Você pode conquistar resultados muito melhores se estudar seguindo suas necessidades pessoais e de acordo com o seu perfil. Se você me perguntar se é melhor estudar escutando música ou assistindo um filme, por exemplo, a minha resposta será: “depende”. Afinal de contas, essa é uma peculiaridade de cada um – isso sem considerar que você pode ser um autodidata.

Portanto, para potencializar os resultados e aprender inglês de forma mais eficiente, nada melhor que apostar no autoconhecimento. Sabendo mais sobre você fica mais fácil acertar e descobrir o método ideal.

Você pode descobrir isso por meio de testes disponíveis na internet ou ainda pensando mais como você assimila as matérias com mais facilidade.

2. Não se envolver com atividades extraclasses

Se você acha que apenas assistir à aula é o suficiente, então pode ser que fique um pouco surpreso com esse tópico. É claro que você aprende sim, mas tudo pode acontecer de forma bem mais lenta se você tiver pouco contato com a língua.

Esse tempo é importante, afinal de contas você separa um período apenas para o inglês. Por outro lado, quanto mais você imergir no estudo da língua e aproveitar as oportunidades, mais resultados terá na aprendizagem do idioma.

Para quem já pensa em desculpas, opção é o que não falta: você pode envolver filmes e séries, jogos online e de tabuleiro, aplicativos no celular e o que mais achar interessante.

3. Não traçar uma meta

As pessoas que não sabem onde querem chegar são as que mais apresentam estagnação na carreira e na vida. Portanto, quando você começa a se envolver com outro idioma, é muito importante definir uma meta.

Se a meta é ser fluente, por exemplo, você precisa se dedicar, criar um calendário de estudos e saber tudo que você precisa para atingir o objetivo proposto. Essa é uma grande ajuda que pode definir sua aceleração e a intensidade dos seus estudos.

4. Não entender que é um processo

Falar inglês é uma aprendizagem e, por mais rápido que seja, é bom saber que é um processo. Se você começou hoje, não significa que você vai estar entendendo tudo amanhã, concorda?

Para deixar tudo mais leve e fácil, entenda que você faz parte de um desenvolvimento. É claro que quanto mais você investir, mais rápido vai assimilar tudo. No entanto, isso não será do dia para a noite.

5. Pensar que acaba um dia

Aprender inglês é um processo constante e que nunca acaba – assim como todos os idiomas. Você pode ser fluente, um super expert, mas sempre vai se deparar com novas palavras vez ou outra. Além disso, só chega nesse nível quem não para nunca de estudar, aperfeiçoando as habilidades e conhecendo cada vez mais detalhes.

6. Desistir depois de certo tempo

Existem algumas pessoas que começam uma dieta e acham que podem ver os resultados logo depois de negar um chocolate ou malhar na academia por uma semana. Como já falei, aprender inglês é um processo e, para vencê-lo, é preciso ter persistência.

Entenda que esse é o grande segredo para quem quer conquistar grandes metas, então “never give up”!

7. Querer abraçar o mundo

A imersão no inglês é muito importante, mas dar passos maiores que as pernas pode acabar te desestimulando. Afinal de contas, fazer alguma coisa quando você não está afim pode acabar forçando um pouco a barra. O resultado disso é uma resistência com a língua que acaba atrapalhando as oportunidades que aparecem mais para a frente.

Portanto, envolva-se com certo limite, entendendo que é bom ter tempo para outras coisas,  a fim de ter uma programação equilibrada. Essa pode ser a melhor maneira para usar sua energia da forma correta.

Esses são os erros mais comuns quando tratamos sobre aprender inglês. Sabendo quais são eles, fica bem mais fácil aprender e fugir de qualquer cilada. Você vai acompanhar seus progressos com mais facilidade, pode acreditar!

Se esse conteúdo ajudou você e pode ajudar outras pessoas a aprender inglês com mais facilidade, não deixe de compartilhá-lo nas redes sociais.

Compartilhe este artigo com seus amigos: