qui. ago 18th, 2022
Apresentar culturas diferentes para os filhos

Por que devo apresentar culturas diferentes para meus filhos?

Os pais sempre querem oferecer o melhor aos filhos – isso é fato. Seja por meio de aulas extracurriculares, viagens ou experiências de vida, a intenção é sempre das melhores. Uma coisa que todos eles deveriam fazer é apresentar culturas diferentes para os filhos. Uma medida que pode parecer despretensiosa, mas que traz ótimos benefícios. Se você ficou interessado, veja alguns que listei na postagem de hoje.

A criança aprende novos idiomas com mais facilidade

Conhecer culturas diferentes muitas vezes envolve ouvir uma outra língua e aprender expressões completamente novas. Nesse caso, a criança (ou até o adolescente) que tem a possibilidade de conversar com pessoas de outros países acaba se desenvolvendo de uma forma única.

Primeiro porque ele desenvolve a compreensão e a pronúncia em uma nova língua, tudo isso falando diretamente com um nativo. E não é só isso: tendo esse treinamento intensivo desde criança, fica bem mais fácil aprender outras línguas depois.

Para finalizar, vale lembrar que essa é uma maneira de reduzir o sotaque na hora de falar inglês ou outro idioma, além de deixar a comunicação mais espontânea e eficiente. Ou seja, uma vantagem incrível, concorda?

Visão globalizada de mundo mais definida

Muitas crianças crescem conhecendo apenas sua cidade e a realidade do seu país. Justamente por isso, apresentar culturas diferentes pode ser um ganho incrível, pois a criança passa a ampliar sua visão de mundo e entender melhor a dinâmica da globalização.

Conviver através de viagens ou ao menos estudar e saber como a cultura funciona em outros países (por vídeos, explicações ou conversas) pode ser uma maneira de difundir as diferentes maneiras de pensar e conhecer os mais diferentes contextos sociais.

E tem mais: conviver com essas diferenças muda diretamente a forma como socializamos com as pessoas e como somos percebidos. Dessa maneira, fica mais fácil respeitar as diferenças, entender opiniões divergentes e saber que ninguém é o dono da verdade.

Expande os horizontes

No mesmo sentido de ter uma visão globalizada bem formada, explicar sobre as diferenças culturais faz com que seu filho entenda como o mundo é diverso e grande. O resultado disso é uma quebra da visão “aqui e agora”, pois ela passa a ser ampliada.

Essa é uma experiência comum para qualquer jovem, estimulando a reflexão e “construindo” uma nova pessoa. Acredite em mim: ela vai amadurecer de forma bem mais consistente dessa maneira.

Oportunidade de fazer novos amigos

Falar uma nova língua e conhecer novas culturas pode ser a porta de entrada para ter amigos de outras nacionalidades. Esse é um dos maiores ganhos, conhecendo pessoas de outras crenças, regiões e costumes.

Além disso, vale lembrar que esses contatos podem ser um poderoso “networking”, abrindo portas de indicações profissionais, parcerias ou viagens de lazer.

Uma maneira eficiente de amadurecer

Passar um tempo fora de casa, seja por meio de uma viagem de 15 dias ou um intercâmbio de mais tempo, pode significar muito amadurecimento. O jovem precisa aprender a se virar sozinho, fazer uma gestão financeira, preparar sua comida. E tudo isso conhecendo uma nova cultura e se adaptando a uma nova realidade.

Os resultados são ótimos (a curto, médio e longo prazos), ajudando na formação de personalidade e de uma pessoa mais independente.

Mais oportunidades na carreira

Como já falei aqui no blog, falar um outro idioma pode abrir muitas portas, seja no meio profissional ou acadêmico. E tudo isso pode começar por meio de viagens ou estudo, quando os pais têm a oportunidade de apresentar culturas diferentes aos filhos.

O ganho disso tudo é um grande embasamento cultural, uma criatividade mais aflorada e um comportamento mais sociável. Afinal de contas, ele já socializou com pessoas bem diferentes e em outras línguas, então acaba ficando mais desprendido.

Como o mercado de trabalho está cada vez mais exigente, essa pode ser uma ótima forma de cuidar do caminho do seu filho e potencializar suas chances!

Como você deve ter percebido, cultura é uma palavra simples, mas com uma grande implicação. Para saber de verdade o que significa, nada melhor que vivenciar. Por isso, não deixe de apresentar culturas diferentes para o seu filho. Faça com que ele colha todos esses benefícios que compartilhei hoje.

Se você gostou nas dicas de hoje, compartilhe com seus amigos!
E, se não quer perder mais nenhuma, acompanhe nossos próximos posts!

Até a próxima!

Compartilhe este artigo com seus amigos: